Polícia apreende maquinários avaliados em R$ 3 milhões, em Bom Jesus de Goiás

Segundo a corporação, as investigações prosseguem para a identificação de todos os envolvidos com os fatos

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por intermédio da Delegacia de Crimes Rurais (DERCR) em conjunto com o Ponto Focal Rural da 6 ª (DRP) de Itumbiara e com apoio da Polícia Técnico-Científica, deflagrou uma Operação com o objetivo de apurar a origem ilícita de maquinários, insumos e implementos agrícolas no Município de Bom Jesus de Goiás.

Conforme a polícia, a operação causou um prejuízo de R$ 3 milhões ao crime do campo. Foram apreendidos:

  • Um trator Massey Ferguson, modelo 4275, com vestígios de adulteração em seus sinais identificadores;
  • Um trator Valtra, modelo 985, com vestígios de adulteração em seus sinais identificadores;
  • Um maquinário agrícola pulverizador, New Holland, com vestígios de adulteração em seus sinais identificadores;
  • Sete implementos agrícolas, com vestígios de adulteração em seus sinais identificadores;
  • Duas motocicletas, com vestígios de adulteração em seus sinais identificadores;
  • Um veículo VW/SAVEIRO, com vestígios de adulteração em seus sinais identificadores;
  • Um caminhão Mercedes-Benz, com vestígios de adulteração em seus sinais identificadores;
  • Aproximadamente 3,350 toneladas de produto provavelmente nocivo (agrotóxicos)
  • Aproximadamente 84 toneladas de fertilizantes de origem ilícita;
  • Aproximadamente 18,5 toneladas de sementes de milho de origem ilícita;
  • Aproximadamente 26,672 toneladas de semente de soja de origem ilícita.

Segundo a corporação, as investigações prosseguem para a identificação de todos os envolvidos com os fatos.

“A compra e venda de objetos de origem ilícita acaba por fomentar a própria subtração destes bens, o que se busca coibir com as ações desenvolvidas”, afirma a polícia.