Está disponível, no site da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), o resultado final do processo seletivo do Programa Universitário do Bem (ProBem) 2024/01.

São 4 mil novas bolsas concedidas pelo governo estadual, via Goiás Social, sendo mil integrais e 3 mil parciais destinadas a estudantes em situação de vulnerabilidade social, com registro ativo e atualizado no Cadastro Único (CadÚnico).

Bolsas de estudo

Os 4 mil novos bolsistas já recebem o benefício a partir deste semestre, incluindo o valor da matrícula.

“São estudantes vulneráveis, de todas as regiões de Goiás, que terão o futuro transformado com o apoio do Governo de Goiás”, diz a presidente de honra da OVG e coordenadora do Goiás Social, primeira-dama Gracinha Caiado.

A coordenadora do Goiás Social frisa que o ProBem não é só um programa social que oferece bolsas de estudo. “É uma iniciativa que tem o papel de mudar a realidade de famílias inteiras e, também, de impactar a economia do estado e dos municípios pela geração de mão de obra qualificada”, comenta Gracinha Caiado.

Como proceder

Os estudantes selecionados deverão confirmar sua matrícula na instituição de ensino superior até o dia 29 de fevereiro de 2024. Após essa data, o candidato perderá o benefício do ProBem.

Os universitários de Goiânia e região metropolitana serão convidados para assinar o Termo de Adesão também no dia 29 de fevereiro, em evento em Goiânia.

Após a assinatura do Termo de Adesão, o aluno já será beneficiário do ProBem e deverá entrar na Central do Bolsista para programar seu Banco de Oportunidades.

No decorrer do semestre, o universitário deverá realizar cursos, capacitações e ações sociais até completar a pontuação exigida e deverá manter aproveitamento acadêmico mínimo de 75%.

Em caso de dúvidas, os estudantes podem entrar em contato com a Central de Relacionamento do ProBem pelos telefones: (62) 3270-8500 (região metropolitana), 0800 062 9413 (interior) ou ainda pelo WhatsApp (62) 99641-6090.

O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 08 às 18 horas.

ProBem

Divididas entre parciais e integrais, as bolsas do ProBem correspondem a 50% do valor da mensalidade, limitadas a R$ 650, ou a 100% do valor, até R$ 1.500.

Já as bolsas concedidas aos estudantes que cursam Medicina ou Odontologia os limites são maiores: R$ 2.900 para parciais e R$ 5.800 para integrais, uma vez que os valores das mensalidades desses cursos são superiores aos dos demais.