Alunos denunciam abuso sexual após assistirem palestras sobre o assunto em escolas de Campo Limpo de Goiás

De acordo com a Polícia Militar, após as denúncias, um funcionário da prefeitura chegou a ser preso suspeito de abusar da própria filha

Cerca de 10 alunos denunciaram terem sido vítimas de abuso sexual após assistirem uma palestra sobre o assunto em escolas de Campo Limpo de Goiás, na região central do estado. A Polícia Militar informou que as crianças e adolescentes contaram que os abusos eram cometidos por pessoas conhecidas da família. De acordo com a Polícia Militar, após as denúncias, um funcionário da prefeitura chegou a ser preso suspeito de abusar da própria filha.

As palestras foram ministradas entre segunda-feira (16/05) e sexta-feira (20/05) por uma Organização não Governamental (ONG) a pedido da Secretaria Municipal de Educação da cidade.

Ao g1, o chefe do departamento jurídico da prefeitura de Campo Limpo de Goiás informou que o funcionário foi exonerado assim que houve o conhecimento da denúncia. Disse também que o município trabalha para proteger as crianças, tanto é que, o intuito das palestras era conscientizar os estudantes sobre a importância de denunciar.

O Conselho Tutelar foi chamado até o local e acionou os familiares dos estudantes.

Nove adolescentes e uma criança de cinco anos foram ouvidos na Central de Flagrantes de Anápolis. Após as oitivas, três homens de identidades não divulgadas foram levados para a delegacia por suspeita dos crimes, prestaram depoimento e foram liberados. O caso segue em investigação.

Com informações do G1