Valparaíso terá o primeiro condomínio exclusivo para idosos da região do DF

Através de uma parceria entre as empresas Plano Urbano e Renovoo, o primeiro condomínio para jovens da terceira idade do Distrito Federal e entorno será construído dentro do bairro planejado Reserva do Vale em Valparaíso de Goiás

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2019, o Brasil contém 32,9 milhões de idosos, 7,5 milhões a mais do que em 2012. Essa porcentagem representa um aumento de 29,5% no número de pessoas com mais de 60 anos no país, deixando o grupo etário superior ao de crianças com até 9 anos de idade. E a tendência é crescer mais ainda nos próximos anos.

De acordo com estimativas do IBGE, a população brasileira deve atingir 233,2 milhões de pessoas em 2047.  Nesse cenário, a expectativa é de que o número de pessoas com 65 anos ou mais seja praticamente triplicado, chegando a 58,2 milhões,  sendo o equivalente a 25,5% da população.

Com isso, o setor imobiliário já começa a se movimentar para atender esse público crescente. Um exemplo é a Plano Urbano, que implantará um condomínio exclusivo para idosos no bairro planejado Reserva do Vale, em Valparaiso de Goias, a 30 quilômetros da capital federal, Brasília (DF).

Com 56 alqueires de área, o que corresponde a 6,5 quilômetros lineares e uma área de aproximadamente 2,35 milhões de metros quadrados de extensão, o Reserva do Vale está sendo projetado para uma população de 20 mil pessoas. No espaço, estão sendo implantados condomínios horizontais, parques, áreas comerciais, espaços de conexão e integração para diversos segmentos, tais como hub de esportes, saúde e educação.

O projeto voltado à terceira idade será implantado em parceria com a Renovoo. Com 50 mil metros quadrados, o condomínio oferecerá  250 lofts de alto padrão (opções de 01 e 02 suítes) exclusivamente para locação. “Todo o projeto  visa manter a autonomia, mobilidade, conforto e segurança, além de cuidados médicos preventivos 24 horas dos moradores, com um conceito e infraestrutura ainda inéditos no Centro-Oeste”, salienta Marcos Franco, diretor de engenharia da Plano Urbano.

As unidades serão totalmente mobiliados para moradia de 01 ou 02 pessoas, com sala para dois ambientes e cozinha gourmet integrada, lavabo, lavanderia, adega e serviços como internet fibra ótica, smart TV e balizadores com sensores de presença, com tudo pensado para maior segurança, mobilidade e conforto.

O condomínio oferecerá serviços médicos com monitoramento 24 horas de todos os sinais vitais de todos os moradores, além de enfermaria, nutricionista, fisioterapia. Terá ainda atendimento de primeiros socorros interligado com os principais hospitais da região, contando com ambulância própria e heliporto.

Complementam o menu de serviços: governança diária, restaurante, spa, academia de ginástica, clube completo com piscinas térmicas, restaurante, salão de jogos, carteado, sinucas, quadras de tênis, centro de recreação com animadores e programação diária de entretenimento, pista de cooper/ciclovia, salão de festas, churrasqueiras, cinema, centro relax com spa/massagem/yoga, tai-chi-chuan, dança de salão, academia de ginástica dentre outros.

Pensando na natureza, o condomínio contará com jardins, lago, gazebos para contemplação e descanso, além de horta comunitária/privada. A acessibilidade também é um quesito elementar do projeto, tanto dentro do condomínio quando no bairro como um todo.  “Fora do condomínio, o Reserva do Vale tem em todas as esquinas rampas para cadeirantes e para pessoas com dificuldade de locomoção”, finaliza Marcos.