Primeira diretoria do Fórum Estadual de Turismo toma posse

A solenidade, que aconteceu na sede da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Goiás (Fecomércio), foi aberta pelo presidente do Cetur, Ricardo Rodrigues, que deu boas-vindas aos convidados de todo o Estado

Uma cerimônia na quarta-feira, 04, com participação da Goiás Turismo, das dez Regiões Turísticas de Goiás, do trade goiano e de entidades como o Conselho Empresarial de Turismo da Fecomércio Goiás (Cetur), empossou os vinte membros do Fórum Estadual de Turismo.

A solenidade, que aconteceu na sede da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Goiás (Fecomércio), foi aberta pelo presidente do Cetur, Ricardo Rodrigues, que deu boas-vindas aos convidados de todo o Estado.

Fabrício Amaral, presidente da Goiás Turismo, destacou a importância da união entre os setores público e privado e falou da sua atuação em favor do Turismo como presidente do Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo (Fornatur).

O ministro do Turismo, Carlos Brito, que não pode estar presente em Goiânia, enviou um vídeo em que ele exalta os variados atrativos turísticos do nosso Estado e coloca o MTur à disposição de Goiás.

Foi assinado o termo de posse dos vinte representantes das dez Regiões Turísticas goianas que compõem o Mapa do Turismo Brasileiro, sendo um deles pelo setor público e o outro da iniciativa privada. E anunciada a chapa vencedora, com os eleitos para exercício nos próximos dois anos: Bruno Lopes de Queiróz, da iniciativa privada de Mambaí, como presidente; e Karla Katiuscia, de diretora de Turismo de Alexânia, como vice-presidente do Fórum.

Fabrício externou sua alegria com a adesão ativa de todas as RTs e parabenizou os eleitos. Bruno e Karla reconhecem o tamanho da responsabilidade e prometem trabalhar em prol do Turismo estadual com honra, força e garra.

A solenidade contou com homenagens a duas pessoas que são destaque na luta em defesa do Turismo goiano: José Guilherme Schwam e Brenda Lúcia Carvalho. E, para encerrar com a alegria natural do Turismo, Hélia Marina Monteiro, de Silvânia, desafiada, aceitou o microfone e cantou à capela.